Árbitro culpa comunicação social por ameaças de morte

Alfonso Perez Burrull, árbitro do Real Madrid-Osasuna, culpa a comunicação social espanhola por ter recebido ameaças, após a derrota dos navarros no Santiago Bernabéu, a 18 de janeiro.
O árbitro deixou por marcar dois penáltis a favor do Osasuna, acabando por expulsar Juanfran, envolvido em ambas as jogadas.
"A pessoa que enviou as mensagens leu e ouviu na comunicação social que eu os tinha roubado, que tinha roubado o jogo. Se tivesse lido que o que se passou tinha sido apenas um erro, provavelmente não o teria feito", revelou Burrull.
"Os media dizem que querem combater a violência, mas então e os árbitros? Participamos num dos espetáculos mais vistos no país e mesmo assim somos insultados e atacados todos os fins-de-semana", acrescentou.