O Papa Francisco e os insultos aos árbitros…


Já toda a gente sabe que o Papa Francisco é adepto do San Lorenzo de Almagro, histórico clube argentino.
Numa entrevista, agora (re) publicada, o Papa recorda momentos de paixão... fanática:
P - Qual é o seu desporto favorito?
R - Em miúdo, praticava basquetebol. No entanto, gostava de ir ao estádio ver futebol. Iamos todos, a família inteira, mãe incluida, ver os jogos do San Lorenzo, a equipa do nosso amor. Os meus pais eram de Almagro, o bairro do clube.
P - Guarda alguma recordação futebolística em especial?
R - A brilhante campanha que a equipa fez em 1946. Aquele golo de Pontoni merecia um premio Nobel. Eram outros tempos. O máximo que se dizia de um árbitro era "sem vergonha" ou "vendido"... Ou seja, nada, tendo em conta os epitetos de agora...

Fonte: Record