AC Milan decidiu lembrar os árbitros italianos acerca da lei FIFA sobre o fora-de-jogo





Numa nota publicada na sua página oficial, o AC Milan decidiu lembrar os árbitros italianos acerca da lei FIFA sobre o fora-de-jogo, após uma derrota por 2-0 contra o Cesena no sábado.
O emblema rossoneri queixa-se de dois fora-de-jogo mal assinalados no encontro, e o presidente do clube, Silvio Berlusconi, não poupou críticas à equipa de arbitragem, salientando que a sua equipa é por diversas vezes prejudicada por "árbitros de esquerda."
"Na página oficial da FIFA, FIFA.com, está publicado um documentado chamado Material de Ensino de Arbitragem. E, na lei 6 do capítulo "O Árbitro Assistente", a seguinte frase está claramente escrita: 'se um árbitro assistente não está totalmente seguro acerca de um fora-de-jogo, a  bandeirola não deve ser levantada'", escreve o clube italiano.

Fonte: Record